Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Green Delights - cozinha vegetariana, simples e saudável

Bem vindo ao blog! Este espaço é dedicado a receitas vegan e vegetarianas, simples, deliciosas e saudáveis (a maior parte das vezes...)! Vamos cozinhar?

Seg | 27.11.17

Tarte de Matcha

Tarte de Matcha (com suspiros, flores, hortelã, lima e pistáchio)

tarte de matcha com suspiros, flores, hortelã, lima e pistachios

tarte de matcha

Para começar bem a semana, aqui fica, a minha versão de uma tarte de Matcha! Para ser sincera, acho que é a sobremesa mais bonita que já fiz até agora... E a melhor parte é que é muito fácil de preparar, em cerca de meia hora, fica pronta! (depois precisa obviamente de mais algum tempo no frio para solidificar, uma vez que é um semi-frio, mas a preparação em si, é muito muito rápida). É uma combinação bastante diferente, o sabor do matcha/ chá verde numa sobremesa, mas eu adorei o resultado! Se ainda não conhece o matcha, pode saber mais sobre este chá e sobre os seus benefícios aqui. Esta sobremesa não é muito doce, mas é super fresca, e uma alternativa saudável a outras sobremesas, e é claro, ainda por cima é vegan!

mini tarteletes de matcha

Tarte de Matcha (com suspiros, hortelã, lima e pistáchios)

Tarte de Matcha (com suspiros, flores, hortelã, lima e pistáchios)

 

Ingredientes

 

Base:

▪️ 2/3 chávena de coco ralado 

▪️ 1 chávena de amêndoas

▪️ 12-14 tâmaras

▪️ 2 colheres de sopa de cacao em pó

▪️ ¼ colher de chá de sal

 

Recheio:

▪️ 2/3 de lata leite de coco (~260ml)

▪️ 1 chávena de cajus (demolhados durante 12 horas)

▪️ 2-3 colheres de sopa de maple syrup (ou outro adoçante)

▪️ 2-3 colheres de chá de matcha

▪️ Sumo e raspa de 1 lima

▪️ 1/2 colher de chá de extrato de baunilha

▪️ 1 pitada de sal

 

1. Colocar o coco, espalhado num tabuleiro, no forno a 180ºC até ficar tostado (cerca de 5 minutos);

2. Num processor triturar as amêndoas. Depois adicionar as tâmaras, o cacau, o coco tostado e o sal e triturar novamente, até formar uma pasta. [Sugestão: demolhar previamente as tâmaras, 10-15 minutos em água quente, para ser mais fácil triturá-las]

3. Cobrir o fundo e a lateral de uma tarteira de fundo amovível com a base, prensando bem. Deixe a base 10-15 minutos no congelador, enquanto prepara o recheio.

4. Numa liquidificadora, ou novamente no processador (ou até com uma varinha mágica), triturar os cajús (demolhados durante pelo menos 12 horas) juntamente com o leite de coco. Depois adicione o maple syrup (ou outro adoçante à escolha como agave ou xarope de arroz), sumo e raspa de lima, extrato de baunilha, sal e o matcha (como o sabor pode ser bastante intenso, o ideal é ir acrescentanto aos poucos e provando, para mim 3 colheres de chá foram o ideal).

5. Coloque o recheio sobre a base da tarte e leve ao congelador durante 2-3 horas (ou ao frigorífico durante pelo menos 6 horas). [Se optar por deixar a tarte no congelador, retire-a 10-15 minutos antes de servir]

 

tarte de matcha

 

Pode servir a tarte assim, ou decorá-la a gosto! Eu adicionei pistáchios picados, folhas de hortelã, flores, suspiros (receita de suspiros vegan aqui) e fatias de lima e servi ainda com um fio extra de maple syrup! Como a tarte em si não é muito doce, fica ótima com os suspiros e o maple syrup (ou xarope de ácer) a acompanhar!

 

Bons deleites!

 

Receita adaptada de Amy Le Creations.

Tarte de matcha (com suspiros, flores, hortelã, lima e pistáchio)